sábado, 15 de abril de 2017

Sempre lembraremos, Dona Ivone...

"A QUEM AMO

Lembra-te de mim
ante a natureza,
bela e perfeita a cada instante;
amo a beleza
e, como eterno andante,
nela certamente buscarei abrigo.

Lembra-te de mim
ante a grandeza
dum pintor, dum poeta ou musicista;
verás, surpresa, 
que, sem ser artista,
o amor à arte convive comigo.

Lembra-te de mim
numa criança,
com ela sempre cruzo em meu caminho.
É a esperança 
revestida de carinho
que faz morada em coração amigo.

Lembra-te de mim
na alegria,
pois gosto de te ver sorrindo.
Vive a magia
do teu mundo lindo,
que por te conceder, a Deus bendigo.

Lembra-te de mim
na tristeza,
superando tudo o que te faça triste.
Crê na certeza
de que o amor persiste
e mais que nunca eu estarei contigo!

Lembra-te de mim..." (Ivone Selistre)

Nenhum comentário:

Postar um comentário