domingo, 28 de novembro de 2010

Rio libertado

Pra quem gosta do Rio de Janeiro como eu, é muito bom ver a cidade sendo libertada da criminalidade organizada dos morros, que, por tanto tempo, existia e aterrorizava a população dentro dos territórios fechados do narcotráfico. Agora, vendo a desmoralização imposta à bandidagem, a atuação bem coordenada das forças policiais e militares, e sobretudo a aprovação e alívio popular, vejo também o país recuperando seu respeito próprio através do resgate de instituições públicas há muito desacreditadas. O descaso e a omissão de décadas de governos fluminenses com a situação das favelas, parece que, finalmente, foram substituídos por um problema que necessita de solução urgente, com prazo certo, porque a Copa e as Olimpíadas se aproximam - e quanto mais próximas, maior a dúvida mundial sobre a capacidade do Rio em receber esses megaeventos. Enfim, bom acreditar que nossos amigos de lá, e que nós mesmos quando estivermos lá, estaremos mais seguros, para podermos aproveitar ainda mais tudo o que a Cidade Maravilhosa tem a oferecer. É lógico que crimes continuarão ocorrendo, porque é assim no Brasil inteiro. Que o tráfico continuará existindo, porque a lei econômica da oferta e da procura é infalível, e tem muita gente sem noção que, ou não vê que contribui pra esse mercado, ou não se importa com isso. Mas é bom ver que as coisas que devem ser feitas no Brasil, por mais difícil que possa parecer, ainda podem acontecer...

domingo, 21 de novembro de 2010

Receita de vida

Não costumo nem abrir e-mails de mensagens sobre como ter uma vida feliz e coisa e tal. Acho muito piegas. Mas, há muito tempo atrás, recortei uma pequena mensagem publicada num jornal e que achei muito bacana. E o engraçado é que, mesmo sendo um pedacinho de papel e depois de tantas mudanças de endereço, eu volta e meia encontro ele nas minhas coisas, e é sempre bom de reler.

Então, a quem interessar possa, transcrevo o texto:

"Fragmento encontrado em 1962 na Igreja de St. Paul, em Baltimore: 'Viva com muita calma entre a pressa e os ruídos e lembre de quanta paz há no silêncio. Diga a sua verdade calma e tranquilamente, mas ouça os outros, mesmo os mais medíocres - eles também têm sua história. Evite pessoas espalhafatosas e agressivas. Elas são um insulto ao espírito. Não se compare com os outros para não se tornar vaidoso ou amargo. Sempre haverá pessoas melhores e piores que você. Cultive seu trabalho, mesmo que seja humilde, pois é um bem real ante as variações da sorte. Seja sempre você mesmo, nunca finja afeição nem seja um cínico em relação ao amor. Aceite serenamente o passar dos anos, abrindo mão do que pertence à juventude. Lembre-se de que é filho do universo, tanto quanto as árvores e as estrelas e tem o direito de estar aqui. Esteja em paz com Deus, da maneira como o conceber e fique em paz com sua alma, pois este ainda é um lindo mundo. Cuide-se e lute para ser feliz."

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Vídeo de "Yesterday" - Show Paul McCartney, POA

Pra amenizar um pouco a saudade já sentida desse show único.

Música "Yesterday" gravada por mim no celular.


segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Thank you Paul!




O que eu vou dizer do show do Paul McCartney que vimos ontem em Porto Alegre?

A minha sensação hoje é um misto de deslumbramento, realização e uma certa tristeza. Deslumbramento com um show que foi perfeito: pontualidade, sonorização e visual de palco (3 telões gigantes de alta definição), repertório de grandes músicas da carreira solo e Wings, e, lógico, clássicos certeiros de Beatles.

Pra mim,foi sobretudo um grande show de rock conduzido por um artista com domínio natural de palco. Um músico que mostra ser bom sem exibicionismo. Um cara que sabe a dimensão do que ele representa mas não deixa que isso o distancie do seu público, a ponto de se esforçar para falar - e muito - em português durante todo o show, de modo simpático e bem humorado, como só é possível para aqueles que já receberam toda a fama e glória possíveis, mas sabem que o que importa mesmo é a música e o respeito aos fãs. E um artista desse porte, com o repertório que tem à sua disposição e uma banda de apoio como a que vi ontem, fica mesmo difícil de errar...

Só que, muitas vezes, grandes nomes acabam vivendo do público fácil de seus sucessos passados e se apresentam apenas para marcarem sua presença e levar o cachê. Isso, decididamente, não foi o caso do Paul & banda que vimos ontem. A grande parte do show foi rock'n roll mesmo, conduzida com muita pegada e extrema competência vinda do palco, como se eles precisassem dar tudo pra conquistar o público de Porto Alegre. Por isso, falar da idade do cara, ou achar que ele já era, é uma grande bobagem.

O êxtase coletivo em algumas músicas - dos Beatles, é claro - veio não só por ser Beatles, e ser ele, Paul McCartney, a voz principal dos Fab Four que estava ali presente. Veio sim da dose de sincera emoção que o cara conseguiu transmitir ao cantá-las, e isso, meu irmão, tornou o show ainda mais especial e comovente.

Por isso a realização pessoal, minha, de ter tido essa oportunidade e em um show tão bom. Certamente, daqui a 50, 100 e muitos mais anos, continuará se falando, ouvindo e admirando Beatles, mas não se poderá mais assistir Paul McCartney ao vivo - quer dizer, até tenho minhas dúvidas depois de ontem... Por isso, me considero um felizardo em conquistar esses momentos pra minha vida.

Realização também por ter compartilhado essa noite com a Cacá, minha parceira de todos os shows (passados e futuros), meus irmãos Filipe e Maurício, meu sobrinho Pedro, que com apenas 10 anos pode presenciar o que de melhor a música já nos deu, meus sogros Beth e Mauro e tios Kiko e Tânia e Moacir, beatlemaníacos desde os primeiros tempos, e demais amigos com quem fomos em nossa "Magical Mistery Tour" via Turis Barcellos.

E a tristeza? Pois é, essa certa tristeza é por pensar que dificilmente haverão shows melhores pra eu assistir daqui pra frente. Mas resta uma esperança, acreditar no que ele falou em sua despedida de ontem: "até a próxima Porto Alegre!". So, get back Paul, please...


SET LIST:

Venus and Mars Rockshow
Jet
All my Loving
Letting Go
Drive my Car
Highway
Let me roll it
The Long and Widing Road
Nineteen Hundred and Eighty Five
Let em in
My Love
I’ve just seen a face
And I Love Her
Blackbird
Here Today
Dance Tonight
Mrs Vandebilt
Eleanor Rigby
Something
Sing The Changes
Band On The Run
Ob-la-di, Ob-la-da
Back in the USSR
I’ve Got a Feeling
Paperback Writer
A Day in Life/ Give Peace a Chance
Let it Be
Live and Let Die
Hey Jude
Day Tripper
Lady Madonna
Get Back
Yesterday
Helter Skelter
Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band


* em breve fotos e vídeos do show

domingo, 7 de novembro de 2010

Show Paul in POA

Na (grande) expectativa para o show de hoje de Paul McCartney em Porto Alegre.

Aguardem o relato do show...